Blog

Enquanto existir vida, existe esperança

Há uns tempos queixava-me da vida para um amigo, conversa banal de café em mais um dia de rotina.

Mas as voltas da vida e do mundo, acordam-nos para a realidade e somos alertados por uma doença estúpida que afeta um indefeso recém-nascido. Muitas linhas já se escreveram sobre o caso da Matilde, muito se disse e ainda mais se poderia dizer, eu devo dizer que estou bastante orgulhoso no meu país e nas gentes que por cá habitam, para mim o povo mais solidário do mundo.

Ainda meio “ensonado” vejo as notícias que me dizem, que o Benfica encaixa 126 milhões de euros com a venda do João Félix. Estamos todos de acordo, penso e espero eu, que algo vai mal no mundo.

Sempre vivi mal com o facto de uns terem mais que outros. Decerto que tem todo o mérito, mas nem todos dispuseram das mesmas oportunidades. Onde está a justiça quando alguém dispõem de milhões numa conta e alguém que chegou agora ao mundo já tem uma despesa tão grande em mãos? Não faz muito sentido para mim, graças a Deus, e aos portugueses o caso parece bem encaminhado.

Em outros campos, vi partidos políticos terem morte anunciada depois de resultados menos bons nas passadas eleições europeias, CDS, Aliança e algumas pessoas a falar do meu partido, do PSD.

Temos assistido a de tudo um pouco desde a tomada de posição do nosso primeiro-ministro, quem ganhou as eleições não pode formar governo, o nosso partido passou por um processo eleitoral, etc, e tem ocasionalmente dado uns tiros nos próprios pés. Mas este fim-de-semana presenteou-nos com uma luz ao fundo no túnel, com esta mistura de jovens e de experiência penso que poderemos colher bons frutos.

Também para o distrito de Castelo Branco vejo finalmente a esperança entrar em jogo, com o companheiro Luís Santos na liderança da candidatura “Compromisso com Futuro”, algo que acredito ter o poder de promover a mudança por muitos almejada no distrito. Para já a JSD Distrital de Castelo Branco continua a fazer o seu trabalho, indicando o nome da Márcia Caldeira Nunes para as próximas eleições em outubro.

Felizmente enquanto o coração bater existe esperança, para a Matilde, para o Atlético de Madrid e para o PSD. Esperamos que seja para todos um futuro risonho, especialmente para a Matilde e para outros bebés com o mesmo problema ou patologias.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *